Massa de ar polar traz neve e geada para Santa Catarina

A neve desta terça-feira, 10, ocorrida em municípios como Urupema, Urubici, Bom Jardim da Serra e São Joaquim, não deve voltar a aparecer nos próximos dias. A combinação necessária para ela ocorrer, de frio e umidade, não volta a se repetir nesta quarta, 11, quando a massa que predomina é de ar frio e seco. As temperaturas continuam baixas, com chance de geada ampla nas áreas altas do Oeste Meio-Oeste e Planaltos Sul e Norte. As informações são da Epagri/Ciram.

Regiões como Alto Vale do Itajaí, Grande Florianópolis, Serrana e Litoral Sul podem registrar geada isolada na madrugada e no amanhecer. A condição de temperaturas mais baixas e tempo seco vai até sexta-feira, 13.

A neve desta terça-feira, 10, ocorreu com a chegada de uma massa de ar polar ao Estado, trazida por um anticiclone (alta pressão), com centro entre o norte da Argentina e Uruguai. A umidade que chegou ao sul catarinense foi transportada do mar pela presença de um ciclone (baixa pressão) próximo à costa. Entre o anticiclone (ventos girando no sentido anti-horário) e o ciclone (ventos girando no sentido horário), formou-se uma pista de vento sul de forte intensidade, atingindo principalmente as regiões da Grande Florianópolis e sul de SC. No município de Rancho Queimado, foram registradas rajadas de 76 km/h nas primeiras horas da manhã desta terça-feira.

Assim, além do frio intenso e das belas paisagens na serra, os sistemas atmosféricos predominantes no sul do Brasil propiciam condições adversas de mar. 

SECOM

11/07/2018


© 2017 Camboriú On-line. Todos os direitos reservados.