Delegação de Camboriú participa do Parajasc em Criciúma


 
Paratletas irão competir no atletismo, bocha, bocha paralímpica e futsal. Cerca de 30 atletas irão representar o município na competição, que segue até 6 de dezembro

 
Cerca de 30 paratletas de Camboriú irão participar dos Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc), que iniciou nesta quinta-feira, dia 30, e segue até 6 de dezembro. Os paratletas irão disputar nas modalidades atletismo, bocha, bocha paralímpica e futsal. Toda a delegação do município é formada por alunos ou ex-alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). O evento, organizado pela Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), será realizado em Criciúma.
 
A preparação para a competição iniciou em abril, com treinos uma vez por semana. O professor da APAE, Edison Pereira da Silva, comenta que os atletas estão animados, mas que o importante mesmo é a participação nos jogos. “Vejo a interação entre os paratletas de todo o estado como o maior prêmio que eles possam receber. Muitas vezes, pessoas com deficiência acreditam que não podem fazer nada, que a vida perdeu o sentido, mas a participação em torneios como esse provam o contrário. Tentaremos trazer medalhas para o município, mas já estamos extremamente contentes só de ter uma delegação”, pontua.
 
Deficientes intelectuais disputarão o futsal masculino contra times de Caçador e Otacílio Costa. No atletismo, o município terá paratletas com deficiência física e intelectual – no masculino e feminino. Homens e mulheres irão competir contra atletas de Videira e Indaial na bocha. Uma classificação funcional, que será realizada antes do Parajasc, irá definir quem vai participar da bocha paraolímpica mista.
 
“O Parajasc é um evento de suma importância no estado. Vejo que ele reflete de forma positiva na vida de todos os paratletas, organizadores e demais pessoas envolvidas com a competição. Superação, motivação para seguir, sentimento de realização, dever cumprido. Tudo isso é consequência para quem pratica o paradesporto. Além, é claro, da oportunidade de uma qualidade de vida ainda melhor”, pontua o gestor esportivo da FME, Renato da Conceição Junior, o Renatinho. 

Prefeitura de Camboriú

30/11/2017


© 2017 Camboriú On-line. Todos os direitos reservados.